Árvore mais antiga de Paris passa de 400 anos e é uma acácia-bastarda

IMG_3876

A árvore considerada a mais antiga de Paris está a poucos metros da Notre Dame e sobrevive escorada por estacas de concreto.

É uma acácia-bastarda, uma espécie que fornece madeira cor amarelo-limão, típica dos Estados Unidos, introduzida na Europa e plantada em 1601 por Jean Robin, botânico, farmacêutico e jardineiro dos reis Henrique III, Henrique IV e Luís XIII.

A árvore, cujo nome científico em francês é robinia pseudoacacia, em homenagem à Jean Robin, tem 11 metros, é protegida por uma cerca de arame e só pode ser vista de perto durante o dia.

Faz parte dos jardins da Praça René Viviani, onde, no passado, acredita-se ter sido área pertencente à Escola de Medicina, quando o plantio ocorreu.